Ir direto para menu de acessibilidade.
ptenfres

Ciência dos Alimentos

Gentileza solicitar descrição da imagem

Histórico


Departamento de Ciência dos Alimentos (DCA) foi fundado em 1972 para atender aos programas de formação de pessoal técnico, capaz de oferecer assistência às indústrias de alimentos. Para tal, houve um desdobramento do antigo Departamento de Química e Tecnologia, que originou os Departamentos de Química, Solos e Ciência dos Alimentos.

Em 1976, com a criação do Programa de Pós-Graduação em Ciência dos Alimentos (PPGCA), teve início o Curso de Mestrado, sendo este credenciado pelo Conselho Federal de Educação em fevereiro de 1989.  Atualmente  o Curso possui mais de 460 dissertações defendidas por representantes de quase todos os estados brasileiros e de países da América Latina.

Em 1990, a CAPES recomendou a abertura do Curso de Doutorado, sendo este reconhecido pelo Conselho Federal de Educação no mesmo ano e tendo início em março de 1991. Desde então, mais de 200 teses já foram defendidas no Programa.

Em 1996, foi aprovado pelo Conselho de Ensino Pesquisa e Extensão (CEPE) da UFLA, a criação do curso de graduação de Engenharia de Alimentos, fortalecendo sobremaneira as atividades prioritárias de ensino, pesquisa e extensão do DCA.  Em 2009, foi criado o curso de graduação em Nutrição, o que contribuiu para o crescimento físico e de pessoal do DCA. Posteriormente, em 2014, o curso de Nutrição passou a se oferecido pelo recém criado Departamento de Nutrição.

Em 2017 o PPGCA obteve nota 6 na avaliação quadrienal (2013-2106) da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), se consolidando como um dos cursos da Área de Ciência de Alimentos  com excelência em nível internacional.

Atualmente o PPGCA reúne 20 docentes, sendo 18 permanentes e 2 colaboradores.

Objetivos do Programa


O Programa propõe a formação de profissionais aptos a atuarem com competência, ética, lisura e senso crítico, no ensino, pesquisa e nas diferentes frentes de trabalho na área de Ciência dos Alimentos. O profissional egresso do curso receberá formação para atuar na academia, em órgãos de regulamentação e fiscalização e em empresas privadas, sendo capaz de planejar, coordenar, executar ou avaliar atividades relacionadas à área de Alimentos ou correlata.

O Programa visa promover o treinamento de discentes, a nível de Mestrado e Doutorado, na formação básica em Ciência dos Alimentos e específica, desenvolvendo pesquisas nas seguintes linhas:

1) Ciência e tecnologia de produtos de origem animal – qualidade tecnológica, sensorial, nutricional e microbiológica de leites, carnes e pescados in natura e tecnologias envolvidas no processamento de produtos derivados;

2) Ciência e tecnologia de produtos de origem vegetal  – qualidade de grãos, frutos e hortaliças com relação aos aspectos físicos, químicos, bioquímicos, microbiológicos e sensoriais com ênfase à alimentação, conservação e embalagens;

3) Microbiologia de alimentos e processos fermentativos – estudos de microrganismos, e seus metabólitos, envolvidos na elaboração (processos fermentativos), deterioração e, ou, contaminação de alimentos;

4) Desenvolvimento de produtos, análise sensorial e embalagem – estudos envolvendo a elaboração de novos produtos alimentícios, a partir de novas tecnologias e conceitos, e a avaliação do comportamento dos consumidores, além do desenvolvimento e aplicação de técnicas sensoriais e de filmes e sistemas de embalagens para alimentos; e

5) Caracterização e processamento de alimentos – estudos envolvendo fundamentos aplicáveis aos sistemas de produção e preservação de alimentos, isto é, aplicação de princípios da físico-química, termodinâmica, operações unitárias, transferência de calor e massa e calor no processamento de alimentos.

O processo seletivo ocorre semestralmente via Edital específico na página do Programa.