Ir direto para menu de acessibilidade.
ptenfres

Fitopatologia

Gentileza solicitar descrição da imagem

O programa de Pós-Graduação em Agronomia/Fitopatologia (PPGFitopatologia), sediado no Departamento de Fitopatologia (DFP) da Universidade Federal de Lavras (UFLA) foi criado em 1995. Os Cursos de Mestrado e Doutorado tem como objetivos primordiais formar pessoas para atuar em ensino, pesquisa e extensão, em Fitopatologia e áreas afins, e conduzir pesquisas básicas e aplicadas que possam atender as demandas atuais da comunidade, como sustentabilidade da agricultura globalizada, diminuição do impacto ambiental das atividades agrícolas e aumento da qualidade, produtividade e do valor agregado dos produtos agrícolas, sempre em consonância com as necessidades da população e diretrizes governamentais.

O corpo docente do PPGFitopatologia é altamente qualificado, sendo todos com doutorado, treze bolsistas de pesquisa do CNPq (100%), sendo sete de nível 1. Seis deles fizeram pós-doutorado no exterior, dois obtiveram o seu PhD em países europeus, oito tiveram passagens em países europeus e nos Estados Unidos em doutorado sanduíche ou pós-doutorado. Isso significa que a grande maioria é autossuficiente para se comunicar em inglês, com pesquisadores estrangeiros, estando prontos para fazer intercambio com Instituições Internacionais. Isto já tem surtido resultado desde que temos hoje 13 convênios com universidades ou centros de pesquisa no exterior e outros estão sendo preparados.

Os discentes cada vez mais estão sendo incentivados a ir para o exterior e considerando que este é também um ponto forte de nosso Programa, sendo que em 2017 e 2018, seis discentes por ano saíram para o doutorado sanduiche. Todos os integrantes do corpo docente têm sido bastante atuantes em pesquisa, ensino e extensão e têm captado recursos expressivos com projetos de pesquisa em temas importantes.

O corpo docente do Programa de Pós-graduação em Fitopatologia se compromete com a qualidade da formação do corpo discente, principalmente nas atividades de formação, no que se refere à oferta de disciplinas agregantes nas temáticas de investigação científica, dentro das linhas de pesquisa do Programa, bem como no repasse e transparência das informações necessárias para a melhoria da qualidade das dissertações e teses.

O Programa de Pós-Graduação em Agronomia/Fitopatologia, com conceito 5 na CAPES,  cumpre cada vez melhor seu papel de formação de profissionais especializados para atuar na área de Fitopatologia, atendendo às exigências de uma agricultura moderna, sustentável e preocupada com o meio-ambiente.